Acessibilidade 5 Alto contraste 6

  • ---
  • Máx: ?
  • Min: ?

  • ---
  • Máx: ?
  • Min: ?

Notícias

São Ludgero adere ao aumento de restrições conjuntamente com demais cidades da Amurel no enfrentamento ao Coronavírus

Secretaria de Administração, Finanças e Planejamento - Publicado em 26/06/2020 às 11:54 - Atualizado em 26/06/2020 às 12:21

   Com o número de casos confirmados chegando a 100 e mais 100 suspeitos, somado a possibilidade da região ficar sem vagas em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) nos hospitais, São Ludgero aderiu ao aumento nas restrições conjuntamente com as demais cidades que integram a Associação de Municípios da Região de Laguna (Amurel) no enfrentamento ao Coronavírus. O decreto nº 24/2020 foi assinado e publicado na manhã de hoje, sexta-feira, 26 de junho, pelo prefeito Ibaneis Lembeck, e os Secretários Municipais Léo Füchter e Nilva Schlickmann Pickler e já está valendo.       

      As tratativas vinham sendo estudadas pelos prefeitos e secretários municipais de saúde nos últimos dias. O martelo foi batido na Assembleia Geral Ordinária virtual comandada pelo presidente Clésio Bardini de Biasi, prefeito de Treze de Maio, ontem, quinta-feira, 25 de junho. Além dos prefeitos e de técnicos de diversas áreas, contou com a participação na reunião do promotor de justiça Osvaldo Cioffi Júnior, que destacou a importância da tomada de decisões conjunta e com critérios técnicos. As restrições são com base na recomendação técnica do Comitê Extraordinário criado para acompanhamento e tomada de decisões em relação a Covid-19.

    A Secretária de Saúde de São Ludgero, Nilva Schlickmann Pickler, diz que todo um trabalho de comunicação e orientação em relação aos cuidados foi realizado desde março, que o município possui uma equipe capacitada e com todos os equipamentos de segurança individuais no Centro de Triagem atendendo 7 dias por semana, mas infelizmente existem pessoas e estabelecimentos que não estão levando a sério os cuidados básicos e os regramentos. “Infelizmente, como aconteceu um relaxamento com o retorno das atividades, nós gestores da região tomamos uma decisão conjunta com o objetivo de não superlotar os hospitais para que eles consigam atender as pessoas, inclusive, aquelas que precisarem de UTI”, resume.

    O prefeito de São Ludgero, Ibaneis Lembeck, o Iba, lembra que não é desejo de nenhum gestor intensificar as restrições e até realizar a aplicação de multas. “Estávamos felizes com o retorno das atividades e a estabilização que tínhamos em São Ludgero. Acreditávamos que as pessoas e estabelecimentos iriam manter os cuidados básicos, com máscara e evitando aglomerações. Infelizmente, percebemos que muitos levaram na brincadeira e a consequência está ai e agora ações precisam ser tomadas para tentarmos manter vagas disponíveis nos hospitais para as pessoas que precisarem. Parabéns a todos aqueles que respeitaram e estão respeitando os cuidados básicos”, ressalta.

   Em São Ludgero, no caso do uso de máscara já era obrigatório, e a partir de agora o descumprimento do uso em ambientes públicos e privados gerará aplicação de multa pecuniária equivalente a meio salário mínimo para pessoas físicas e um salário mínimo para estabelecimentos, com suspensão imediata das atividades.

      O decreto é por tempo indeterminado.

 

 

Comércio
De segunda a sexta- feira: até 18 horas
Sábados: até as 12h30min
Domingos e feriados: fechado
Dia D: proibido

Shoppings, galerias e centros comerciais
De segunda a sábado: das 12 às 20 horas
Domingos: das 14 às 20 horas
Feriados: fechado

Praças de alimentação
Até 18 horas: atendimento normal, com exceção de rodízios
Das 18 às 20 horas: proibidos bufê e qualquer espécie de autoatendimento
Após as 20 horas: somente tele-entrega, incluindo finais de semana

Restaurantes
Até 18 horas: atendimento normal, com exceção de rodízios
Das 18 às 22 horas: proibidos bufê e qualquer espécie de autoatendimento
Após as 22 horas: somente tele-entrega e retirada no balcão, incluindo finais de semana
* Nos serviços de retirada no balcão, fica vedado o consumo de qualquer gênero alimentício, inclusive bebidas, no local.

Lanchonetes
Até às 18 horas: atendimento normal
Após as 18 horas: apenas tele-entrega e retirada no balcão
* Nos serviços de retirada no balcão, fica vedado o consumo de qualquer gênero alimentício, inclusive bebidas, no local

Food-trucks/ ambulantes

Somente tele-entrega e retirada no balcão. Fica vedado o consumo de qualquer gênero alimentício, inclusive bebidas, no local

Bares, pubs, conveniências e similares
De segunda a sexta-feira até às 18 horas: atendimento normal
Após às 18 horas: apenas tele-entrega ou retirada no balcão. Fica vedado o consumo de qualquer gênero alimentício, inclusive bebidas, no local
Finais de semana e feriados: apenas tele-entrega ou retirada no balcão. Fica vedado o consumo de qualquer gênero alimentício, inclusive bebidas, no local

Eventos públicos e privados
Proibidos

Música ao vivo
Proibida

Parques, praças e clubes sociais
Permissão de funcionamento apenas para restaurantes e academias, conforme protocolos preestabelecidos

Praias e lagoas
Proibida a permanência na faixa de areia e as práticas esportivas. Permissão apenas para a pesca profissional.

Velórios

Máximo de seis horas de duração, com permanência limitada nas áreas internas das funerárias a dez pessoas. As funerárias permanecerão fechadas entre 0 e 6 horas.

Sepultamentos
Somente até as 17h30min

Academias ao ar livre
Proibidas

Atividades esportivas coletivas - amadoras
Proibidas

Atividades esportivas coletivas - profissionais
Autorizadas, desde que haja competições agendadas e com seguimento dos protocolos sanitários

 

Em anexo decreto na íntegra.

 


Galeria

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar